Home / Noticias / Coronavrus: Trabalhadores porturios comeam a ser vacinados contra a Covid-19 no Paran

Coronavrus: Trabalhadores porturios comeam a ser vacinados contra a Covid-19 no Paran

O Paraná começou a vacinar trabalhadores portuários e aeroportuários contra a Covid-19 nesta sexta-feira (28). As doses da vacina AstraZeneca / Fiocruz destarte a estes grupos foram sentenciados pelo Ministério da Saúde nesta semana.

Antonina, Paranaguá e São José dos Pinhais foram os municípios contemplados com as doses. As duas cidades do Litoral possuem terminais da empresa pública Portos do Paraná e devem imunizar todos os profissionais vinculados. Já o município da Região Metropolitana de Curitiba contemplará os trabalhadores aeroportuários.

“É um dia importante com a chegada dessas doses para proteger nossos trabalhadores portuários, que não pararam desde o início da pandemia. Neste período o Porto ampliou a capacidade de fardo e descarga, bateu recordes e ganhou prêmio de melhor porto do Brasil, por isso a nossa gratidão em nome de todo o Paraná para esses trabalhadores que agora estão sendo imunizados “, disse o governador Carlos Tamanho Ratinho Junior.

PARANAGUÁ – O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, acompanhou o início da imunização profissionais destes no Núcleo de Vacinação de Paranaguá, localizado na antiga Estação Ferroviária. O município especificado ainda pela manhã 8.412 doses, além do residual da suplente técnica, somando 9.250 vacinas.

“Neste momento em que outras cepas devem ser circulares no mundo todo, os trabalhadores portuários têm que estar vacinados. Acompanhamos a largada da vacinação cá em Paranaguá, e temos a expectativa de vacinar todos os profissionais desta espaço até o domingo. O objetivo do Estado e a orientação do nosso governador Ratinho Junior é essa, descentralizar as doses rapidamente e fazer com que as vacinas cheguem até os paranaenses “, afirmou.

A ação em Paranaguá teve início às 11h desta sexta-feira (28) e deve permanecer até as 22h, dependendo da demanda. No sábado (29) e no domingo (30), porquê equipes atenderão das 8h às 18h.

“Nossa preocupação com relação ao porto é principalmente por conta do surgimento de novas variantes e o Governo do Estado, em esteio aos nossos trabalhadores, em dois dias desde a chegada das vacinas, já disponibilizou essas doses para uma espaço portuária”, ressaltou o prefeito de Paranaguá, Marcelo Roque.

Edmilson Viana Porto, 59 anos, chegou cedo ao sítio de vacinação em Paranaguá e foi o primeiro trabalhador portuário vacinado no Paraná. “Fico muito feliz em poder tomar a vacina e ser imunizado no meio desta pandemia. É um dia muito próprio porque teremos um pouco mais de tranquilidade e poderemos continuar trabalhando”, disse.

PORTOS DO PARANÁ – A empresa Portos do Paraná possui um Comitê de Contingências para a Covid-19 desde o início do ano pretérito, incluindo todas as áreas de trabalho, para prometer a proteção dos trabalhadores.

O secretário de Estado da Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, também participou da ação em Paranaguá e sobre falou o trabalho. “O Paraná deve muito aos portuários e, além da vacina, estes profissionais têm o nosso gratulação pelo trabalho desenvolvido. Quero agradecer também a operação montada pelas prefeituras para prometer rapidez nesta emprego para que possamos vacinar todos os portuários o mais rápido provável e evitar a chegada dessa cepa indiana ao nosso Estado, principalmente através dos Portos “, disse.

O diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia comentou sobre a expectativa dessa espaço pela vacina. “Os trabalhadores portuários se entregaram a todo momento para que a operação do Porto continuasse funcionando. A preocupação do governador foi principalmente promover a segurança dos trabalhadores. Tivemos mais de R $ 10 milhões investidos garantindo a saúde aos profissionais e agora, com a chegada da vacina, esse momento se torna histórico para todos nós “, disse.

ANTONINA – Para o município de Antonina a Secretaria de Saúde adicionou 490 doses, já somando uma suplente técnica para atendimento aos profissionais portuários. A imunização dos profissionais está sendo realizada no estacionamento da Lar de Cultura, ao lado do Teatro Municipal, desde as 15h desta sexta-feira (28), com expectativa de atendimento até meia-noite para finalização de todo o grupo.

Caso falte qualquer profissional, a imunização será retomada na segunda-feira (31) a partir das 8h.

SÃO JOSÉ DOS PINHAIS – A cidade da Região Metropolitana de Curitiba receberá 850 doses, constituindo uma suplente técnica para atendimento aos profissionais aeroportuários. O envio destas vacinas ao município será realizado na próxima segunda-feira (31) e a emprego dos imunizantes está sendo definida pela equipe municipal.

PROFISSIONAIS – Os trabalhadores portuários ligados a Portos do Paraná foram divididos em três grupos para a vacinação. Os profissionais que assumem as dúvidas sobre a imunização necessária consultar as informações com as equipes de saúde do seu município e aqueles que não sabem em qual classificação se enquadram podem entrar em contato com a empresa por meio do e-mail: [email protected] pr.gov.br.

PRESENÇAS – Participaram da vacinação em Paranaguá dos deputados Fernando Francischini, Galo, Alexandre Curi e Nelson Justus; o prefeito de Antonina, José Paulo Vieira Azim; o secretário municipal de Saúde de Antonina, Odileno Garcia Toledo; a secretária municipal de Saúde de Paranaguá, Lígia Regina de Campos Cordeiro; e o diretor da 1ª Regional de Saúde de Paranaguá, José Carlos de Abreu.

About Desentupidoras JP

Check Also

Sesc e Senac São José dos Pinhais pegos empresários em referência ao Mês do Mercador

Encontro realizado em referência ao Mês do Mercador pelas unidades Entre os dias 28 e …

Call Now Button