Home / Noticias / Fluminense vence São José dos Pinhais, erros supera próprios e se mantém na escol da Superliga | vôlei

Fluminense vence São José dos Pinhais, erros supera próprios e se mantém na escol da Superliga | vôlei

Em um caminho tão instável, o ato final seguiu um roteiro à profundeza. Mas, diante de tantos percalços, o Fluminense fez valer camisa e vontade para se manter na escol do vôlei vernáculo. Em um jogo repleto de erros e emoção, o Tricolor venceu o São José dos Pinhais por 3 sets a 1, parciais 18/25, 25/23, 27/25 e 25/20, e garantiu seu lugar na próxima temporada da Superliga Feminina . Posteriormente sua pior campanha na história, ao tempo das Laranjeiras conseguiu uma salvamento no termo, rebaixando o rival paranaense.

+ Confira a tábua completa da Superliga Feminina

O duelo era decisivo. Os dois times chegaram ao ginásio com uma missão de vencer para evitar o rebaixamento. Posteriormente levar uma viradela inexplicável no primeiro set, o Fluminense soube reagir para chegar à vitória. Com o resultado, quando carioca terminar uma Superliga em 10 ° lugar, com 15 pontos, primeira posição para a zona de rebaixamento. São José dos Pinhais, por sua vez, cai para a Superliga B ao lado de São Caetano.

Vôlei Fluminense – Foto: Divulgação

A jovem Mayara, que precisou assumir a posição do titular na ponta diante dos problemas físicos do tempo, proporcionou a quadra com o prêmio de melhor do jogo. Natasha e Fernanda Tomé, também instáveis, ajudaram nos momentos de tensão, assim uma vez que Arianne. Mari, sumida durante a boa secção do jogo, chamou a responsabilidade na reta final e garantiu a vitória.

Foi um início perfeito para as visitantes. Com vontade nos olhos, o Fluminense encontrou um rival ainda. Com Mari e Fernanda Tomé distribuindo pancadas, o time carioca abriu 5/1 e, depois, 9/2. Mas São José dos Pinhais, porém, enfim se apresenta para o jogo. Pelas mãos de Talía, o time paranaense conseguiu diminuir a diferença, que caiu para somente três pontos (14/11).

O esforço teve retorno. Larissa, escalada mediano uma vez que oposta, virou bela esfera e deixou tudo igual. Logo depois, Mari errou o tempo de ataque, mandou a esfera na antena, e o time da vivenda virou a partida: 16/15. A partir dali, o jogo foi todo o tempo da vivenda. Com 25/18 no placar, largou na frente.

Na volta à quadra, pouco mudou. O time paranaense seguiu melhor, muito pela eficiência de Larissa e Talía. Carla, logo apagada no jogo, também aumentou. Ao marcar 8/5 no placar, o São José viu o técnico rival pedir tempo para arrumar a vivenda. O Flu melhorou com a ingressão de Arianne em quadra, enquanto São José também passou a errar a mão no ataque. Na reta final, o Tricolor passou avante com um saque de Natasha. São José ainda tentou recostar, mas o Flu deixou tudo igual na partida: 25/23.

O Fluminense começou melhor no terceiro set. Na pancada de Fernanda Tomé, abriu 6/2 no placar. O São José dos Pinhais tentou buscar, mas viu Fernanda Tomé voltar a virar muito e se tornar o principal desafogo para o tempo visitante. O logo Fluminense disparou no placar, abrindo 16/10. A equipe da vivenda ameaçou a reação, mas tudo parecia dar manifesto para o Tricolor momento momento. Em um ataque de Carla, uma esfera estourou em Giovana e voltou direto na quadra paranaense.

Vôlei Fluminense – Foto: Divulgação

Mari, que andava sumida do jogo, fez o Fluminense perfurar 20/15 na secção. Dois pontos seguidos em erros do Fluminense devolveram São José dos Pinhais ao jogo. Pouco depois, Arianne ficou no bloqueio de Dani Suco, e o tempo paranaense ficou a um ponto do empate na parcial. Conseguiu o empate em novo erro de Arianne, desta vez em ataque para fora: 20/20. Dani Suco, em mais um bloqueio, fez o que parecia impossível antes de colocar as donas da vivenda na vanguarda. O jogo, porém, seguiu sem definição. Giovana, em um bloqueio sobre Larissa, levou o Flu ao set point, esperdiçado logo depois. Mas, em um lance de sorte de Fernanda Tomé junto à rede, as cariocas fecharam em 27/25, virando a partida.

São José começou muito o set, abrindo 2 a 0 no placar. O Fluminense foi buscar mais uma vez. A instabilidade marcava os dois lados à mesma medida. Nenhum dos tempos deixam de perfurar uma folga no placar Mas, com dois bloqueios seguidos e dois erros do lado rival, o Fluminense chegou a 15/12. São José, porém, foi buscar depois de Talía explorar o bloqueio tricolor, marcando 16/15. Um ás de Carla fez com que o tempo da vivenda explodisse em quadra.

Mais uma vez, o Fluminense foi detrás. Mayara, com uma bela largadinha deixou tudo igual, com 17/17. A viradela veio depois de mais um rali, com Natasha atacando pelo meio. São José buscou, mas um ás de Natasha mais uma vez recolocou o Flu avante (20/19). A partir dali, o Fluminense não desperdiçou mais chances. Mari, com mais uma pancada, fez com que o tempo chegasse ao match point. O refrigério veio em um bloqueio: 25/20.

About Desentupidoras JP

Check Also

Juíza no PR suspende proibição de venda de bebida aos sábados

A juízes Carolina Delduque Sennes Basso, do Renda Regional de São José dos Pinhais (PR), …

Call Now Button